quarta-feira, 16 de setembro de 2009

ninguém me tira essa dor e as marcas do tempo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário