domingo, 16 de agosto de 2009

A vida tem caminhos estranhos, tortosos às vezes difíceis: um simples gesto involuntário pode desencadear todo um processo. Sim, existir é incompreesível e excitante. As vezes que tentei morrer foi por não poder suportar a maravilha de estar vivo e de ter escolhido ser eu mesmo e fazer aquilio que eu gosto, mesmo que muitos não compreendam ou não aceitem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário